9085 Visualizações |

Como funciona a energia dos cristais?

Pedras naturais brutas

Nos dias de hoje, é muito comum você encontrar ofertas de produtos criados com pedras naturais (em sua maioria cristais) que estimulam aspectos ligados à saúde, à prosperidade, à espiritualidade, à proteção ou aos assuntos do coração.

De onde vem essa “moda”? Como usar a energia das pedras naturais no seu dia-a-dia? Este é um assunto que pode render alguns posts!…

A Litoterapia – tratamento através das pedras – é estudada há mais de 3.000 anos. Babilônios ,egípcios, chineses e gregos, todos estavam convencidos do impacto das pedras naturais sobre o estado físico e mental.

Você pode encontrar vários significados diferentes para a mesma pedra. Não existe ainda um consenso sobre isso porque, na verdade, não há ainda nenhuma evidência científica da eficácia da terapia ou da existência de cristais específicos para cada problema. O que existe são observações e relatos que apontam para alguns pontos em comum, como a cor da pedra, por exemplo.

A Litoterapia considera que os cristais emitem naturalmente uma vibração singular que favorece a manutenção do equilíbrio interior e por isso tem propriedades curativas. Como cada tipo de pedra tem propriedades físicas e químicas específicas, ela é capaz de favorecer o equilíbrio daquele aspecto da pessoa e melhorar assim o seu o bem-estar. Ela também pode neutralizar a recepção de vibrações negativas.

Como a Litoterapia é um tratamento alternativo, que atua ao nível energético (e não é reconhecido pela medicina!), é claro que não se deve nunca descartar o tratamento médico.

Mas, ainda que você não acredite em nada disso, as pedras naturais são obras de arte criadas pela natureza (lindas!!!) e que merecem um lugar de destaque no seu guarda-roupa. Até porque, esta é a tendência dos acessórios para o próximo ano. Separamos pra vocês algumas das cores que parecem ser consenso entre os estudiosos, para te ajudar a escolher as pedras de seus acessórios.

Cristais brancos e transparentes

Cristal de Quartzo transparente
Os cristais transparentes são considerados cristais purificadores e os brancos, potencializadores. Pela capacidade de espalhar a energia purificadora, os prismas devem ser colocados em locais de entrada de luz.

Pedras naturais na cor índigo

 

Colar com pingente de Lápis Lazuli. Criação PIÙ LIBERA.

Colar longo com pingente de pedra natural Lápis Lazuli. Criação PIÙ LIBERA.

São consideradas pedras de introspecção e concentração. No Egito Antigo, o Lápis Lazuli era considerado a pedra da Amizade, por ser uma pedra nobre. Os sacerdotes egípcios acreditavam que, meditando na profundidade de suas tonalidades, conseguiam penetrar nos seus mistérios e estabelecer contato com os deuses.  A Sodalita é outro exemplo de pedra na cor índigo, mas com preços mais acessíveis do que o Lápis Lazuli.

Pedras naturais vermelhas e marrons

 

Colar longo com pingente em Jáspe Marrom. Criação exclusiva PIÙ LIBERA.

Colar longo com pingente em Jáspe Marrom. Criação exclusiva PIÙ LIBERA.

Parece que as pedras naturais em tons de vermelho e marrom estão ligadas à coragem, força, vitalidade e sucesso. A Granada e o Jáspe Marrom, por exemplo, favorecem também uma elevação da energia sexual.

Pedras naturais pretas

 

Colar longo com pingente tipo Relicário com pedras naturais de Turmalina Preta. Criação exclusiva PIÙ LIBERA.

Colar longo com pingente tipo Relicário com pedras naturais de Turmalina Preta. Criação exclusiva PIÙ LIBERA.

São as pedras das energias pesadas, também chamadas de pedras de proteção. São utilizadas próximas ao chão, na entrada de ambientes, onde o fluxo de pessoas é maior, para limpar as energias negativas e de limitação.  Próximas ao corpo, protegem contra o chamado “olho gordo”.

Cristais verdes

 

Colar longo com pingente tipo Relicário com pedras naturais de Quartzo Verde. Criação exclusiva PIÙ LIBERA.

Colar longo com pingente tipo Relicário com pedras naturais de Quartzo Verde. Criação exclusiva PIÙ LIBERA.

Intimamente ligada à natureza e ao equilíbrio, o cristal verde está sempre relacionado à energia da cura.  Desde a antiguidade, acredita-se que esse cristal tem a capacidade de dissolver pensamentos doentios, sentimentos negativos e os problemas físicos de saúde com eles relacionados.  Ele estimula que o nosso corpo estimule também a nossa saúde, auxiliando no combate a doenças.  Os mais usados são o Quartzo Verde e a Malaquita, chamada de “a Pedra de Cura do Novo Milênio”.

Cristais rosas

 

Turmalina Rosa

Pingente em pedra natural Turmalina Rosa – Criação exclusiva PIÙ LIBERA

Os cristais na cor rosa são considerados sensibilizadores, ou seja, estimulam os aspectos da afetividade, da auto-estima e do amor ao próximo. Os litoterapeutas recomendam que eles sejam usados em conjunto com  outro cristal de cor verde, para equilibrar o seu efeito. Exemplos: Turmalina Rosa e Quartzo Rosa.

Cristais violetas e lilases

Ametista
Os cristais em tons de violeta e lilás são capazes de receber e transmitir as energias espirituais e vitalizadoras do raios violeta. Por isso são usados para favorecer estados meditativos. São chamados de “pedras da sabedoria equilibrada”.  O exemplo mais conhecido é a Ametista.

Cristais azul-claros

Pedra natural Água Marinha
Parece que os cristais dessa cor apaziguam ambientes. São aconselhados para dormitórios e outros locais de descanso. São bons também para dores nervosas, como tendinite e bursite. E se transformam em belíssimas jóias! Exemplos: Água-Marinha e Topázio azul.

Cristais amarelos

 

Citrino Amarelo

Dizem que os cristais amarelos trazem todo tipo de expansão e também alegria e multiplicação. Por isso é chamado de Cristal da Prosperidade. O mais conhecido é o Citrino.

 

Leia também:

Estilistas se rendem ao encanto das pedras naturais brutas